Friday, October 12, 2007

a piano song

Depois de muitas reviravoltas, trabalho demais, falta de tempo para mim - e posso dizer? - para todos também...
Tudo acabou como o anzol pendurado no coração que agora está incrustado sob a minha pele, no alto do braço. Pode parecer estranho, mas eu sou super drástica com as coisas, sabe....
Mais um papo sociológico ininteligível... ó, parei.
E agora, tudo voltou ao começo: vontades contorcidas de fazer obrigações necessárias, planos de fuga, punição dolorida com um fim interessante...

O que sobrou: palavras meio desconexas, um vazio parcial, sumir discretamente.

Vou tentar voltar a escrever no blog.

1 comment:

Carlos said...

escreve, escreve, escreve!!