Wednesday, August 10, 2005

the buenos aires affair

Foi só olhar pra frente fora da multidão que ele estava lá, sorrindo, com as mãos no bolso, mas pronto pra um abraço apertado. De repente, tudo ficou mudo e o sol bateu mais forte. Uma emoção intensa, as palavras não saíam da boca. E foi nessa conversa calada que se entenderam, um olho no olho estranho, tudo girava rápido e ele falou "eu preciso sim de todo cuidado".
Ela riu lárgimas vermelhas e correu. Gostava do risco, não sabia bem o que sentir. Ninguém tinha razão. Fechou os olhos e deixou o coração gritar. Foi quando o sol iluminou azul e ela viu tudo tão claro, que a solidão dói e é difícil ser feliz.
Mas eu sei é um amor além do que se vê.

1 comment:

Kérols said...

post poeticamente simples!
adorei!

é vou me embora!
"sair de casa já é se aventurar"

vou sentir outros ares,ver se as aves de lá ...

bjuus ate los hermanos