Saturday, August 20, 2005

dedicado a

capuccino com pão de queijo é deveras delicioso!

Sobre estar só, eu sei
dos mares por onde andei
devagar.. dedicou-se, mas
o acaso a se esconder
e agora o amanhã
cadê?

--------------------------------------------------------------------------------------------

a conversa de hoje a tarde foi especialmente libertadora. fez-me abrir os olhos e ver tudo sob uma ótica diferente: sem distorções, sem eufemismos, de todos os lados.
e é agora onde começa o nossa amizade de novo.
eu tomei minha decisão. de verdade. viver de ilusão é bom, mas cansa - porque chegar em casa as 4 da manhã, e chorar tanto que sua mãe acorda depois de um rock tão divertido, é o fim do fim.
eu fiquei pensando, depois que saltei do carro. e não quis acreditar baby, mas você sempre me amou intensamente.
e agora é minha vez de me declarar sem suas entrelinhas.

te amo intensamente, sr. rafael boina neves.

4 comments:

Viso said...

Ahñ??????

Anonymous said...

me explica também.
hehehe

um-beijo-menina-que-não-me-convida pra-visitar-seu-blog que eu já gostei tanto de cara assim!
ass. Renata (anonymous é mais hot)

graize said...

eu sempre escrevi seu nome com s! desculpa, beibe. foi um post rápido! eheehhee

Rafael Boina Neves said...

Eu nao sei nem o que responder... nao do seu jeito... te respondo, do mesmo jeito que sempre te perguntei: sempre vou cuidar de voce!